As Equipas de Nossa Senhora em Cuba

Version imprimable PDF version Partager sur Twitter Partager sur Facebook

No fim-de-semana de 11 e 12 de Março de 2017, tivemos oportunidade de apresentar as Equipas de Nossa Senhora ao Arcebispo de Havana, Monsenhor Juan de la Caridad García, que autorizou a entrada das ENS em Cuba. A história deste acontecimento tão emocionante é a seguinte:

Durante o ano de 2016, a ERI encarregou-nos de fazer a expansão do Movimento, em especial num país da Hispano-América em que as ENS não estivessem presentes.

Depois de reflectirmos longamente e de termos analisado as diferentes alternativas que se nos apresentavam, decidimos ir a Cuba, com o apoio das equipas do México, dada a sua proximidade geográfica com Cuba. Cuba é um país complexo pela sua situação política, mas também cheio de desafios; de facto, conhecemos a necessidade que as famílias têm de poderem viver uma realidade diferente, a da Espiritualidade Conjugal e da santificação através da sua vida conjugal.

Foi assim que, através de Leticia e Guillermo Moñoz, Casal Regional do México, se iniciou toda esta aventura. Este casal, com risco mas cheio de fé, a 25 de Dezembro de 2016, durante as férias que passavam em Cancún, aproveitando a proximidade, organizaram uma visita a Cuba, onde conseguiram uma entrevista com Manuel Uña, padre dominicano de 81 anos, que os recebeu e lhes abriu a sua casa para também lhes falar da necessidade que têm as famílias de contar com as ENS; no entanto, sublinhou que era necessário ter a autorização do Arcebispo de Havana para se poder iniciar uma equipa.

Aproveitando a sua presença em Cuba, Leticia e Guillermo conseguiram, através do Padre Uña, uma breve entrevista com Monsenhor Juan de la Caridad García e solicitar um encontro para lhe apresentar formalmente o Movimento; esse encontro foi marcado para o dia 11 de Março de 2017, no contexto da Comissão Nacional da Família.

Nesse fim-de-semana, no encontro marcado por Monsenhor Caridad García, o Casal Regional do México e nós próprios como Casal Responsável da SR Hispano-América apresentámos as Equipas de Nossa Senhora ao Arcebispo de Havana e a doze casais encarregados da pastoral familiar em todas as dioceses e conseguimos a sua autorização para iniciar a ENS neste país das Caraíbas. Visitámos também os padres Manuel Uña e Luis Chillán, que conheceram o Movimento em Espanha, para os motivar a ajudar-nos na constituição das primeiras equipas em Cuba. Esta será, pois, a nossa missão para este ano de 2017.