Descobrir a oração de intercessão

Version imprimable PDF version Partager sur Twitter Partager sur Facebook

INTENÇÃO GERAL: Senhor, deste-nos Maria como Mãe e modelo para as nossas famílias. Ajuda-nos a fazer da nossa família um lugar onde reinem o amor, a paz e a alegria. Que cada um seja amável, gentil, atencioso, paciente. Onde cada um não veja senão o bem nos outros. Que os esposos permaneçam repletos de ternura um pelo outro. Que nos mantenhamos unidos, quer nas alegrias quer nas tristezas, graças ao poder da oração. Que a oração esteja no coração da nossa família. Que possamos ser profundamente contemplativos, intensamente eucarísticos, e vibrantes de alegria. 

Com o Papa Francisco: «que as famílias em dificuldades recebam o apoio necessário e que as crianças possam crescer num ambiente saudável e com serenidade.»

 

“Que eles rezem... por cada casal e, de modo especial, pelos que, em  particular, contam com eles”. 
Pe. Henri Caffarel.

Meditação pai Marcovits

Nós acreditamos em um só baptismo para o perdão dos pecados

Páscoa! Tudo é novo! O velho mundo acabou, as trevas retiraram-se diante da luz, o mundo mudou de sentido: Cristo ressuscitou e atraiu-nos para a sua vida. Toda a nossa existência repousa nesta realidade inscrita no mais fundo de nós mesmos. O nosso equilíbrio está aí.

Será necessária a eternidade para percebermos um tal dom de Deus, o dom do seu amor. Sobre esta terra temos um «ante-sabor» desta realidade. As nossas «más tendências», como diz a liturgia, parecem estar ainda apegadas à nossa vida! Então a ressurreição do Senhor não nos liberta? Liberta. Certamente liberta. O mundo está trancado no nosso pecado, oprimido pela tristeza, sem esperança. Nós não nos reduzimos a esta parte sombria de nós mesmos. Deus olha-nos na luz. Quando nos olha, vê os seus filhos.

Maria, Maria Madalena, Maria a pecadora … a quem tanto foi perdoado porque muito amou, Maria não é mais a mesma! Portanto o seu passado, o seu pecado são certamente rejeitados mas a memória está lá e a sua lembrança pode ser dolorosa. Mas não! O que ela lembra é o perdão de Jesus, é a lembrança do olhar de um homem que a respeitava, de um homem, o Filho de Deus: então nasce nela um verdadeiro amor que tudo transforma, que deixa a vida brotar. Compreendemos que ela se tenha tornado na primeira a ver o Ressuscitado e que ela fosse a primeira a anunciar aos apóstolos que Jesus estava vivo! Maria, testemunha da misericórdia de Deus, Maria, Apóstola dos Apóstolos, Maria vê o seu passado tornar-se portador de vida! (Evangelho de terça-feira de Páscoa, Joâo 20,11-18).

Nós somos ressuscitados! Muitas sombras permanecem. Mas o poder da ressurreição é mais forte, mais profundo, mais essencial do que qualquer outra orientação que, em nós, desejaria desequilibrar-nos. Assim, nós experimentamos pessoalmente a força da ressurreição, o poder da graça do nosso baptismo. «Vós todos que fostes baptizados em Cristo, estais revestidos de Cristo» (Gálatas 3, 27). Nós acreditamos num só baptismo para o perdão dos pecados.

Pe. Paul-Dominique Marcovits, o.p., Conselheiro Espiritual dos Intercessores 

Ler a Carta aos Intercessores

2018: N°162 Abril 2018 - N°161 Janeiro 2018

2017: N°160 Outubro 2017 - N°159 Julho 2017 - N°158 Abril 2017 - N°157 Janeiro 2017

2016: N°156 Outubro 2016 - N°155 Julho 2016N°154 Abril 2016 - N°153 Janeiro 2016 

2015: N°152 Outubro 2015N°151 Julho 2015 - N°150 Abril 2015

A intercessão não é uma especialidade, um estado místico particular.
É a experiência de todo cristão que participa da oração do Senhor.


Oração de comunhão, pelo Espírito, com a vontade do Pai, que quer que todos sejam salvos.
Oração atenta à salvação de todos, à cura de todas as feridas, tanto as mais escondidas e secretas, como as mais visíveis, no sopro do Espírito Santo.
Oferecimento da nossa vida, com Cristo, em favor dos irmãos e das irmãs, os mais próximos e os mais distantes. 

Oração dos intercessores

Deus, nosso Pai, vós nos enviastes vosso Filho amado, para a salvação do mundo.
Sentado agora à vossa direita, 

Ele não cessa de interceder por todos  os seus irmãos humanos. 
Movidos pelo Espírito Santo, queremos unir-nos à sua oração, para a salvação de  todos. 
Que sacerdotes e casais sejam fiéis a seus compromissos, a serviço da comunhão na Igreja, irradiando o amor que colocastes em seu coração. 
Que todos os vossos filhos, em todo o mundo, descubram a felicidade que nos dais e vivam com respeito e dignidade, na alegria e na paz. 
Deus, nosso Pai, por intercessão de Nossa Senhora e de todos os Santos concedei-nos a nós, que somos intercessores junto a vós, realizar nosso serviço de intercessão, por amor a vós e a todas as pessoas.

Amém. 

→ Download de oração.